Onipotente.org
 * Beba na fonte da Igreja Cristã Primitiva: leia o Novo Testamento

  Página Inicial

Escritos de Julio Ugarte y Ugarte
Coletânea de textos do professor Julio Ugarte y Ugarte

Esclarecimentos sobre os Dez Mandamentos (*)

Como disse Nosso Senhor Jesus Cristo, que Ele não veio derrogar a Lei (de Moisés) nem os Profetas, mas sim cumprir, infere-se facilmente que a Lei de Obediência é para cumprir a Vontade de Deus dentro dos Dez Mandamentos e dos Estatutos de Nosso Senhor Jesus Cristo, dados por nosso Divino Pai. Assim, pois, Nosso Senhor Jesus Cristo, para dar-nos seu exemplo, foi o primeiro que cumpriu a Vontade do Pai, dentro desses Dez Mandamentos e Estatutos. Seguiram o mesmo rumo os Apóstolos e discípulos, o mesmo que os discípulos destes, até o século III, quando começou o desvio da Igreja, regressando todos à Lei de Liberdade, dentro da qual, como disse São Paulo, ninguém se salva, confirmando a necessidade da vinda do Salvador para a redenção do mundo.

Pois bem, conforme as profecias, efetuou-se a adulteração da Doutrina do Salvador, segundo se esclarece na obra AS DUAS GRANDES LEIS ESPIRITUAIS. E, entre essas adulterações introduzidas pelos falsos sacerdotes, está a efetuada com os Dez Mandamentos, pois suprimiram o Segundo Mandamento que se refere à não adoração de imagens, confirmada pelas próprias palavras do Senhor: Não adorareis imagem alguma, senão ao Senhor teu Deus em espírito e em verdade, porque o Senhor tais adoradores busca que o procurem (1).

Esses desviados da verdade, egressos da Lei de Cristo, conforme anunciaram os Profetas, em sua heresia, do último dos Dez Mandamentos, tiraram dois, para suprir o que faltava, o segundo, conforme deixamos anotado.

É necessário, pelo exposto, fazer a Vontade do Senhor, primeiramente dentro dos Dez Mandamentos para alcançar Sua Manifestação.

(*) Rio Grande, texto original de 13 de julho de 1939. Publicado no Boletim Informativo da Igreja Cristã Primitiva n° 18, novembro de 1988.

(1) No texto, o professor Julio Ugarte y Ugarte juntou o que consta e Êxodo, capítulo 20, versículo 4, com o que consta no Evangelho de São João, capítulo 4, versículo 23. – A não concordância literal dos textos ocorre em virtude do professor ter-se baseado numa edição espanhola da Bíblia.

Em tempo:
Êxodo; 20:4 a 6 Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR, teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a maldade dos pais nos filhos até à terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem e faço misericórdia em milhares aos que me amam e guardam os meus mandamentos. 

São João, 4:23-24 – Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.

São João, 14:21 – Aquele que tem os meus Mandamentos e os guarda (cumpre), esse é o que me ama; e aquele que me ama, será amado por meu Pai, e Eu também o amarei e me manifestarei a Ele.

topo da página
Julio Ugarte y Ugarte
Página Inicial


ONIPOTENTE.ORG
Escreva para a equipe Onipotente.org. Clique aqui.

Escreva para a Equipe Onipotente.org

ONIPOTENTE.ORG - Igreja Cristã Primitiva
Na Internet desde 23 de julho de 2006

Escreva para a Equipe Onipotente.org